Racismo e representatividade no audiovisual serão abordados em live

Mônica Bergamo, de Folha de S. Paulo

Confira os eventos marcados para os próximos dias e as iniciativas desta quarentena

  • O ator Juan Paiva e a atriz Mariana Nunes, protagonistas do filme “M8 – Quando A Morte Socorre A Vida” conversam com o diretor Jeferson De sobre racismo e representatividade no audiovisual, nesta quarta (1º), às 19h. O debate será mediado pela jornalista e ativista Alinne Prado. A live será transmitida no canal do YouTube da Paris filmes.
  • A atriz Débora Falabella encena o espetáculo “O Amor e Outros Estranhos Rumores” em live nesta quarta (1º), que terá participação especial do ator Gustavo Vaz. Com direção de Yara de Novaes e luz de Gabriel Fontes Paiva, o espetáculo será transmitido pelo Instagram e YouTube do Sesc, às 21h30.
  • A CNI (Confederação Nacional das Indústrias) anuncia nesta quarta (1º), às 9h30, uma parceria com a Sosa, plataforma israelense de conexão entre startups, empresas e governos. A colaboração prevê operação conjunta da CNI com o grupo, que tem em sua rede 15 mil startups prontas para gerar soluções para empresas e investidores associados ao grupo em todo o mundo. As inscrições para o evento são gratuitas e podem ser feitas neste link.
  • O ex-ministro Sérgio Moro, o procurador de Justiça Roberto Livianu e o advogado Rodrigo Bertoccelli participam da live “Perspectivas no Cenário Anticorrupção”, nesta quarta (1º), às 18h. O evento será transmitido pelo canal do Instituto Não Aceito Corrupção.
  • A atriz e ex-modelo Luiza Brunet participa na quarta-feira (1º), às 17h30, de live do programa “Entre Craques”, com Gil Santos. Produzido pelo Instituto Brasil+Social, o evento lançará o projeto “Mulheres de Lótus”, do qual Brunet será madrinha. A conversa será transmitida pelo Instagram @gilsantoscraques.