Objetivo é levar a luta contra o racismo para outro patamar

A Iniciativa Empresarial pela Igualdade Racial, que une mais de 70 grandes empresas do país, junto com o DataZumbi, Instituto de Pesquisa da Faculdade Zumbi dos Palmares lançaram nesta quarta-feira (18) o Índice de Inclusão Racial Empresarial, para estimular a inclusão de negros dentro de seus quadros.

Na edição deste ano, foram mapeadas ações afirmativas de 23 empresas e analisados critérios como conscientização de colaboradores, ascensão na carreira e publicidade.

A pesquisa mostrou que ainda há muito a ser feito mesmo entre aquelas que apoiam iniciativas de inclusão racial. Entre as 23 empresas pesquisadas, por exemplo, há apenas 29% de profissionais negros nos seus quadros, nos cargos de gerência, os negros representam 18,7%, e nos cargos de conselho de administração e diretoria dessas empresas, 6,6%.

Esse número reflete a nota baixa que essas empresas tiveram no critério de ascensão profissional dos negros, 3,52 numa escala de 0 a 10, pois muitas ainda não incluem critérios raciais dentro de seus processos de promoção internos.

De acordo com o coordenador da pesquisa Raphael Vicente, o objetivo ao criar o Índice de Inclusão Racial Empresarial é levar a luta contra o racismo para outro patamar.

O destaque positivo da pesquisa realizada foi a nota de conscientização da diversidade entre os colaboradores: 7,20. Reflexo da criação e atuação de comitês de diversidade dentro das empresas.

A inclusão de negros no mercado de trabalho é um grande desafio no país. De acordo com dados do IBGE de 2019, os negros representam quase 55% da força de trabalho, mas 64% deles se encontram desocupados e 66% subutilizados.

Mais informações sobre a Iniciativa Empresarial pela Igualdade Racial podem ser encontradas no iniciativaempresarial.com.br .