O candidato democrata à presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou hoje que Donald Trump é o primeiro presidente racista da história do país. O comentário foi feito durante uma reunião virtual em que uma imigrante sul-coreana expressou preocupação em relação à forma como o presidente dos Estados Unidos tenta associar o novo coronavírus à China, e relatou ter sofrido uma agressão racista em um supermercado.

O candidato democrata à presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou hoje que Donald Trump é o primeiro presidente racista da história do país. O comentário foi feito durante uma reunião virtual em que uma imigrante sul-coreana expressou preocupação em relação à forma como o presidente dos Estados Unidos tenta associar o novo coronavírus à China, e relatou ter sofrido uma agressão racista em um supermercado.

Em resposta, Biden se disse “muito bravo” ao saber da agressão, e comentou: “A forma como ele lida com as pessoas com base na cor da pele, nacionalidade, origem, é absolutamente doentia. Nenhum presidente fez isso, nunca, nunca, nunca.”

“Nenhum presidente republicano fez isso, nenhum presidente democrata. Temos racistas e eles existem, eles tentaram ser eleitos presidentes, mas ele é o primeiro que conseguiu. E a forma como ele joga as pessoas umas contra as outras, é tudo planejado para dividir o país, dividir pessoas, não uni-las.”

Pelo menos doze presidentes dos Estados Unidos tiveram pessoas escravizadas em suas propriedades em algum ponto de suas vidas, e a própria Casa Branca foi construída com trabalho escravizado.

Donald Trump respondeu o comentário durante uma coletiva de imprensa: “Eu fiz mais por estadunidenses negros do que qualquer outro presidente, talvez com a exceção de Abraham Lincoln”, afirmou, referindo-se ao presidente que aboliu a escravidão no país.